segunda-feira, fevereiro 26, 2007

Os turistas



Os turistas cheiram mal, portam-se mal e são mal educados.
Os turistas falam alto e fazem gestos largos. Riem-se por tudo e por nada e excitam-se facilmente .
Os turistas não olham nem sentem. Fotografam e filmam.
Os turistas fazem bicha para entrar aqui e ali e, por vezes, empurram-se uns aos outros.
Gostam de entabular conversa e perguntam-se :UÉREyuCAMEfróm?
Põem os pés em cima dos bancos nos transportes públicos, desperdiçam água nos lavatórios das casas de banho e comem alarvemente ao pequeno almoço, porque está incluido no preço da dormida.
Vestem-se muito mal e carregam mochilas,onde há sempre uma garrafa de litro e meio de água.Isto mesmo em cidades repletas de cafés e supermercados.
Entram de calções e panamá nos restaurantes e chinelam pelas cidades: chlap, chlap, chlap...é um turista.
Os mais dados a devaneios intelectuais visitam galerias e museus, colocando-se, com ar estúpido, entre as pessoas e os quadros.
E escrevem nas paredes dos monumentos: "aqui esteve o Esteves em agosto de 2005".
Os turistas portugueses são um caso particular , dentro da espécie.Além de todos os comportamentos acima descritos, apresentam ainda alguns aspectos que lhes são peculiares, como por exemplo, andarem de um lado para o outro nos corredores dos aviões e pararem, aqui e ali, para contarem imensas coisas e últimas novidades aos companheiros de circuito, com quem partilharam intensivamente as últimas 24horas x 8 dias.
As esposas não circulam. Sentam-se todas por cima umas das outras e falam muito alto dos últimos dez circuitos que fizeram e dos voos de catorze horas que "esses sim, meteram respeito, nada que se compare a este de três horas"e "esta companhia serve vegetariano!"ou então destilam inveja ao referirem-se às elegantes hospedeiras" estas não são nada bonitas" .
Já na bicha para o táxi, ainda se telefonam: "Ó Sousa pá, desculpe lá pá, vim embora sem me despedir de si, já estou nos táxis, mas amanhã telefono para falarmos mais um bocado, sim?".

i
AGOSTO 22, 2005

2 Comments:

Blogger Peg solo said...

turistas somos todos... nao sei feliz on infelizmente, todos pisamos terras nunca pisadas reais ou virtuais, cheirando a suor do caminho que percorremos ate as alcançar, nao satisfeitos continuamos.. a caminhar, a fazer turismo!

01 março, 2007  
Blogger luí said...

somos nómadas que é diferente

04 março, 2007  

Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home

on-line hits.