quinta-feira, janeiro 25, 2007

Tempos de mudança

Os momentos de viragem nas nossas vidas são, regra geral, violentos sobretudo quando saltamos no escuro, sem rede e sem a certeza de que o pára-quedas que carregamos às costas vá abrir.
Por vezes prolongam-se durante anos, o que na vida breve de um ser humano pode saber a quase eternidade.
São momentos de grandes tensões e essas, por vezes, fazem-nos adoecer e sentimo-nos ,até, fraquejar.
"Vive-nos a vida, não nós a vida" escreveu um dia Fernando Pessoa.
Entendo agora um pouco melhor esta frase, mas recuso-me a demitir-me de a viver e nego-lhe o pleno acesso ao painel de bordo, pelo menos no espaço que está reservado ao meu livre arbítrio.
Os momentos de grande transformação servem também para expurgarmos, de forma natural, pessoas, coisas, pseudo-valores, que nos estão a ocupar espaço na memória.
Muitas vezes nem é necessário escolhermos o que e a quem excluir, dali para o futuro. Passamos a ver as pessoas, sobretudo as pessoas, mas também as coisas que até então nos têm regido, de uma forma mais racional e despida de tudo o que não é a sua natureza.
Há aqueles que nas suas vidas nunca ousam mudar e transformar o seu mundo. Vivem acomodados às suas mediocridades, aconchegados em sentimentos que já não o são.
Tantas emoções que não viverão! A vida vive-os na inércia a que se condenam. Mas também essas pessoas têm livre arbítrio e escolheram que fosse assim.



i
26 de fevereiro de 2005

2 Comments:

Anonymous Andarilhus said...

...Quando a experiência de vida não nos satisfaz, não há que ter medo da mudança. Presos a uma realidade que nos é hostil, só por comodismo e aconchego da inércia, é desfalecer numa morte lenta. Penso que é melhor arriscarmos os perigos e o desconhecido do que ficarmos trancados no quarto escuro. Afinal, o que temos a perder?
E quanto aos outros, eles só importam se lhes dermos importância.
Bom discernimento, I…
“(ºoº)”

25 janeiro, 2007  
Blogger luí said...

totalmente de acuerdo
toma unos besitos

27 janeiro, 2007  

Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home

on-line hits.