quarta-feira, outubro 11, 2006

Zé João

Não me importa que a tua vida seja breve ou longa.

Apenas desejo que, enquanto durar, tenhas muitos momentos de intensa felicidade, ames desmedidamente, não sintas medos, sejas poupado à dor, aprendas tanto quanto te for possivel acerca de tudo, sejas sempre curioso, queiras saber sempre mais, nunca faças maldades sobretudo a quem não se pode defender, nunca sofras injustiças e que nunca as cometas, que tenhas aguçado sentido crítico, que sejas um Homem de Palavra e que as coisas belas te emocionem sempre.

E que me deixes estar no teu coração.
i

Eis-te meu pequeno amante
no grande leito da tua mamã,
posso beijar-te, abraçar-te,
ponderar teu belo futuro.

Bom dia minha pequena estátua de sangue,
de alegria e de carne crua,
meu pequeno duplo,
minha emoção.

Cécile Sauvage

2 Comments:

Blogger Daniel Aladiah said...

Belos desejos, Isabel.
Um beijo
Daniel

11 outubro, 2006  
Anonymous Andarilhus said...

... Nobres palavras; Superior sentido do "estar na vida". Espero que o Zé João te escute, espero que assim seja, como desejas tão inflamadamente.
Parabéns aos dois!
Andarilhus "(ª0ª)"

11 outubro, 2006  

Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home

on-line hits.