quinta-feira, novembro 10, 2005

Lição de Poesia

Estamos sentados num banco todo branco
Sob o busto de Lenau

Abraçamo-nos
E entre dois beijos falamos
De poesia
Falamos de poesia
E entre dois versos abraçamo-nos

O poeta olha para longe através de nós
Através do banco branco
Através do saibro da alameda

Ele cala magnificamente
Os seus belos lábios de bronze

No jardim público de Verchatz
Aprendi pouco a pouco
O que é essencial num poema


Vasko Popa

2 Comments:

Blogger GNM said...

É por isso que adoro visitar este blog! Encontro sempre coisas fantásticas de autores que desconheço...

Um excelente fim de semana!

Fiquem bem!

12 novembro, 2005  
Blogger segurademim said...

... nos bancos dos jardins públicos e privados, aprende-se a complementar a aprendizagem dos bancos, da escola, da cozinha, das urgências...

12 novembro, 2005  

Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home

on-line hits.