segunda-feira, outubro 10, 2005

Sexo, consolo da miséria

Sexo , consolo da miséria!
A puta é uma rainha, o seu trono
são ruínas, a sua terra um naco
de prado merdoso,o seu ceptro
uma bolsa de verniz vermelho:
ladra na noite, porca e feroz
como uma mãe antiga: defende
o seu território e a sua vida.


Os chulos, em redor , em bandos,
soberbos e pálidos, com bigodes
brindesianos ou eslavos, são
chefes, regentes:tramam,
nas trevas, os seus negócios de cem liras,
pestanejando em silêncio, trocando
palavras de ordem: o mundo, excluído, cala-se
à volta deles, que dele estão excluídos,
carcaças silenciosas de aves de rapina.

Mas nos destroços do mundo, nasce
um novo mundo: nascem leis novas
onde não há lei,nasce uma nova
honra onde a honra é desonra...
nascem poderes e nobrezas,
ferozes,nos montes de tugúrios,
nos lugares perdidos onde se julga
que a cidade acaba, mas onde
recomeça, inimiga, recomeça,
por milhares de vezes, com pontes
e labirintos, estaleiros e aterros
atrás de vagas de arranha-céus
que velam horizontes inteiros.

Na facilidade do amor
o miserável sente-se homem:
firma tanto a sua fé na vida, que
despreza quem outra vida tem.
Os filhos lançam-se à aventura,
certos de estarem num mundo
que os teme, a eles e ao seu sexo.

A sua piedade é não terem piedade,
a sua força é não terem cuidados,
a sua esperança é não terem esperança.

Pier Paolo Pasolini

4 Comments:

Blogger Vivis said...

Chocante...
não conhecia, gostei.
Beijinhos

10 outubro, 2005  
Blogger I said...

Pier Paolo Pasolini viveu de forma chocante, escreveu palavras chocantes, fez filmes chocantes , peças de teatro chocantes e , por fim, morreu assassinado, num bairro degradado: chocante.

10 outubro, 2005  
Blogger SAM said...

E depois o Sam é que é o revoltado...! ;-)

Beijo Libertário!

10 outubro, 2005  
Blogger Fernando Palma said...

Realmente..."chocante" define bem. Mas não deixa de ser espontaneo e verdadeiro. Gosto de estilos extremamente pessoais de escrita. Gostei de conhecer esse poeta.
Beijo .
Fernando.

11 outubro, 2005  

Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home

on-line hits.